>
Pesquisa

Gusttavo Lima decide não fazer mais lives e reclama de censura

Cantor virou alvo do Conar por propaganda irregular e foi criticado pelo excessivo consumo de álcool durante a transmissão.

Gusttavo Lima decidiu não fazer mais lives solidárias durante a quarentena. 

A declaração foi feita horas depois do músico virar alvo do Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), que apontou irregularidades nas propagandas de bebidas alcoólicas realizada durante a transmissão.

O órgão abriu uma representação ética contra o sertanejo e a Ambev, patrocinadora do evento. Além disso, Gusttavo também foi criticado por aparecer bebendo em excesso diante das câmeras em um show que foi transmitido em um horário que muitas crianças poderiam ver (e que fica disponível no YouTube para quem quiser assistir depois).

Em posts no Twitter na madrugada desta quinta-feira (16), o cantor avisou que não concorda com a gravação de um show engessado e que não mostre o que ele é de verdade na intimidade. E, por conta disso, é provável que não faça mais lives.

"Acho que o grande segredo da live é tirar o lençol do fantasma. Acho que uma Live engessada e politicamente correta não tem graça. o bom são as brincadeiras, a vontade, levar alegria alto astral para as pessoas que estão agoniadas nesse momento. Não farei Live pra ser censurado", escreveu Gusttavo no Twitter.

Além disso, ele listou as entidades que recebram as doações conseguidas com as lives e reclamou de quem só sabe criticar. "Àqueles que só criticam e não ajudam em NADA, vai um conselho: não precisam ajudar, mas não atrapalhem quem está procurando ajudar nossos irmãos necessitado", comentou na rede social.

Por:R7

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Gostei da colocação do Gustavo, em destaque o final, de quem não tá ajudando , para não atrapalhar! 💥

    ResponderExcluir